top of page

175ª CIRANDA CAPPAZ - 2023


01

ABERTURA

NATAL DE PAZ E ESPERANÇA

SONETISTAS CAPPAZes


Natal de Paz, com esperança vem (Joyce Krischke)

cheio de luz, amor, muita alegria; ( Josias Alcântara)

distribuindo o pão, fazendo o bem (Neneca Barbosa)

com muita gratidão a cada dia. (Hélio Cabral)


Natal de paz, produz bom verso e tem (Josias Alcântara)

a inspiração do amor e da harmonia, (Hélio Cabral)

levando ao mundo a chama-luz, que advém (Neneca Barbosa)

do amor e paz que emanam de Maria. (Carlos Reinaldo)


Logo já é Natal Paz e Esperança. (Joyce Krischke)

Vamos fazer um brinde ao Cristo-Rei, (Sílvia Motta)

pois Ele emite a Luz que traz bonança. (Carlos Reinaldo)


Comemorar é bom com alto astral, (Josias Alcantara)

a Generosidade é a nossa lei. (Hélio Cabral)

Bem-vinda seja Estrela do Natal! (Carlos Reinaldo)


PARTICIPANTES DA 175ª CIRANDA – CAPPAZ – NATAL DE PAZ E ESPERANÇA


Antônio Oliveira(Cardoso) (20)

Carlos Reinaldo (13)

Celso Corrêa de Freitas (04)

Cida Zanetti (09)

Cláudia Almeida (24)

Conceição Ferreira (14)

Dido Oliveira (07)

Deomídio Macedo (06)

Eda Bridi (12)

Fátima Peixoto (11)

José Maria de Jesus Raimundo Silva (17)

José Vilson Lavor Holanda (08)

Josias Alcantara (22)

Joyce Lima Krischke (10)

Lúcia Silva (25)

Lourdes Ramos (21)

Neneca Barbosa (03)

Neneca Barbosa (26) ENCERRAMENTO

Odilon Machado Lourenço (15)

Romário Filho (18)

Roseleide Santana de Farias Silva (19)

Roseli Farias Roque (17)

Sandra Lúcia (02)

Sonetistas CAPPAZes (1) ABERTURA

Terezinha Teixeira Santos (23)

Valmir Vilmar de Sousa (Vevê) (05)


02

É NATAL

Sandra Lúcia


Os momentos de amor nunca foram em vão

Jesus representa o simbolismo do natal

Na esperança de ver a humanidade em união,

Não transformem a paz celestial em guerra industrial.


O conhecimento deixou de ser unidade virtuosa

Para ser uma aventura desconhecida

Mas o tempo vence tudo, e as conquistas,

Meras conquistas, deixarão de ser ilusórias...


É tempo de mudar! O amanhã começa agora!

O amor do Pai é inesgotável, o Natal simboliza

Que nossa vida é uma Dádiva Divina.

Para unir a humanidade em crescimento

E não fazer das virtudes uma questão de tempo.


Para amar e perdoar não tem hora,

Basta começar agora

E sentir em cada ser um irmão

Deixando Jesus nascer em seu coração.


03

NATAL, CANTO DE PAZ

Neneca Barbosa


É Natal! Meu peito grita por um canto,

da singela esperança almejada,

para viver em paz no meu recanto...

No planeta Terra fiz minha morada.


Viver a vida com dignidade

não há preço a se pagar,

caminhar com liberdade,

o verdadeiro amor cultivar.


A paz é a estrela guia,

sol de esperança que aquece.

sigo com minha romaria,

ao Senhor elevo uma prece.


Sementes, eu preciso plantar:

do perdão e fraternidade,

na certeza que irão brotar...

E a paz surgirá de verdade!


Buscar a força da união

sentindo o humano calor

na construção da paz então

lutando com muito fervor.


João Pessoa, PB


04

MEUS NATAIS

Celso Corrêa de Freitas


Deus sabe

O que vai em minha mente nestes dias

Saudade dos meus

Daqueles que não estão por aqui

Vontade de abraçar cada amigo

Que estão por ai

Tem aqueles que nunca vi pessoalmente

Mas que deixam minh´alma em PAZ

Só de poder ler

O que eles escrevem diariamente

Em suas redes sociais

Tem aqueles que estão muito perto

E que fazem festa no meu interior

Quando me tiram do deserto

Ao nos encontrarmos num momento incerto

Em algum ponto da nossa cidade

Que nesta data fica muito linda

Quantos Natais ainda poderei numa poesia

Ver que o epílogo da minha vida

Continua por Deus sendo escrito

E que nas suas linhas tortas e certas

Ao meu futuro sempre afiança

A sentença mais bonita na minha jornada

É aquela que a minha sina afirma

⁠Existirão muitas boas lembranças

Em minhas andanças.


05

ENTÃO É NATAL

Valmir Vilmar de Sousa (Vevê)


Como foi nossa caminhada, até aqui?

Como vivenciamos nosso Cristo interior?

Nos perdoamos?

Nos amamos?

Perdoamos nossos inimigos?

Aceitamos a intolerância?

Vivenciamos a fraternidade?

Natal! Renovação

Tempo de perdão

De compartilhamento

De empoderamento

Solidariedade para com o outro

Abraçar e ouvir um idoso, uma criança

Lhes oferecendo conforto e esperança

Pois, natal é todo dia

Afinal, nos renascemos a cada dia

Numa infinita melodia

E contagiante alegria

Com muito amor no coração...

...então é natal


11/12/23

Membro da CAPPAZ


06

POEMA: COMECE AGORA

Deomídio Macêdo


O dia 25 de dezembro ficou marcado na vida de todos.

Jesus de Nazaré chega e adentra nossos corações iluminando nossos caminhos.

Mesmo sabendo que este Espírito sublime, mora em nossas consciências, continuamos tropeçando e desviando dos objetivos que Ele traçou para a nossa evolução.

Mas, Jesus é puro amor.

Nunca nos abandonou.

Continua junto de nós, nos abraçando, nos beijando, nos aconchegando em seus braços, entendo as nossas imperfeições.

O Mestre sabe que, quando despertarmos moralmente, retornaremos para a tua luz.

E parafraseando Chico Xavier:

"Você não pode voltar atrás e fazer um novo começo, mas você pode começar agora e fazer um novo fim."

Que Jesus o médico incondicional de nossas vidas, nos abençoe hoje e sempre.


07

REFLEXÕES DO NATAL

Dido Oliveira


25 de dezembro é a data sagrada e consagrada pelo nascimento de Jesus Cristo.

É o momento adequado para se fazer uma reflexão de como estamos convivendo com nossos queridos: parentes e amigos. E, claro, com todo o “resto”, o povo que nos serve no dia, dia: seu Manuel da padaria, o Sr. João do açougue, o guardador do carro, o porteiro do edifício, o caixa no supermercado, o mecânico que consertou o carro... Enfim, tanta coisa que se sucederam, e se torna necessário – pelo menos para quem tem bom senso e sensibilidade – dar essa “faxina mental”. Será que eu sigo os preceitos que minha religião propõe ou será que eu nem tenho religião, ou é apenas a própria religião que concebi para mim?

O fato é que, só em se falar de NATAL, tudo munda! De repente as pessoas são mais gentis... se cumprimentam como antigamente... dão presentes... caixinhas e mais caixinhas aqui e ali – muitos já te olham com aquele cifrão no olhar, e a caixa está lá com aquele furo retangular, só para lembrar, e, não tem como dizer não – apesar que já não se escuta o barulho da moeda, hoje aceita-se PIX em tudo, estamos na era da moeda virtual, meu caro amigo, inclusive, você já PIXOU hoje? – Viu, virou até verbo, que ele seja sempre usado para se fazer o bem.

E assim se vai mais um Natal, mesa posta para confraternização com os parentes, todos felizes, olhares vibrantes, eloquentes, que falam sem abrir a boca, apenas fica o sorriso que diz: como é bom ser feliz de novo, junto com meu povo. Natal, Natal das crianças... Natal do menino Jesus.


08

É NATAL.

José Vilson Lavor Holanda.


Luzes coloridas iluminam

As ruas e praças da cidade,

O povo circula feliz

Encantado com a beleza

Exuberante das cores reluzentes.

Famílias reunem-se em casa,

Confraternizam-se, trocam presentes.

Crianças brincam alegremente

Com os presentes trazidos pelo

Papai noel.

É natal, tempo de esperança.

É natal, tempo de paz.

É natal, tempo de harmonia.

É natal, tempo de festa e alegria.

É natal, tempo de agradecer.

É natal, tempo de orar.

É natal, a humanidade festeja

O dia em que recebeu o maior e melhor

Presente de todos os tempos:

O nascimento do menino jesus,

O príncipe da paz!

Que a paz permaneça

No mundo eternamente.

Viva o natal!


09

QUEM VEM LÁ?!...

Cida Zanetti


“Quem vem lá?!...

Caminheiro de muitas estradas, pés cansados e coração calado. Pronto ao próximo passo.

A estrada começou ainda era madrugada, o galo cantava e o dia raiava.

Éramos todos infantes, inocentes brincantes da alma faltante.

Saímos em busca de um dia melhor, cedemos, tomamos e infelizes do corpo e da alma, chegamos ao meio do dia.

Mas caminheiro que se preza, não esquece uma boa reza quando o céu se fecha e, a chuva desce, iluminando o ceu com trovões.

Somos caminheiros do universo em plena tarde de inverno. Buscando o final desta estrada. Que flores e pedras misturam-se á poeira do caminho pisada.

Deixando marca no chão e nos pés, no corpo doido, na alma evolução.

É... caminheiros, o fim da estrada se anuncia. E nós nos encontraremos lá. Preserve-se pois o reencontro promete, sangue nos pés, mãos calejadas, corpo sofrido e alma elevada.

Podes dizer, não é preciso nada disso, para a estrada seguir. Se sabes o código de amor e praticas desde o alvorecer, chegarás pleno, sorridente e feliz.

Mas não esqueças, que o código é amar o outro como a si mesmo. Sendo assim, nossa felicidade no reencontro final, é coletivo.”

*Oremos pelos que passam as noites mais intensas de dor e sacrifício, na estrada bendita da evolução. Ás milhares de crianças órfãs de seus pais e, pelos pais órfãos de seus filhos. Também os inúmeros óbitos das guerras do mundo. Para estes, a estrada terminou. Resta-nos continuar, firmes no amor, servindo e passando para em seguida ... Servir novamente.

“Pai Nosso, ...”


Psicoterapeuta - Escritora


10

NATAL – PAZ E ESPERANÇA

Joyce Lima Krischke


Entardecer em dezembro- hora da Ave Maria...

Bela tarde, junto ao mato! Silêncio quebrado, pelo cantar dos passarinhos!

Natal chegando...

Desejos de: rir, cantar, chorar...

Tarde que finda.

Tarde de dezembro, com acenos de Paz e Esperança de novos dias, sem guerras.

Noites de dezembro, sinto-as com mais Paz e Esperança de renascer felicidade, no mundo.

O porquê de as noites de dezembro serem envolvidas pela Paz, credito nas expectativas

do renascer em Jesus Cristo, somadas pela esperança de dias pazeadores.

Entristeço, quando recebo notícias de crianças encarceradas, nas guerras, mundo afora...

Oh Jesus, segura as crianças, com as forças das tuas mãos.

Oh Jesus, livra-as das guerras, da fome e da morte antecipada.

Livra o nosso mundo dos traumas do aborto.

É nesses dias de festa em Paz que, inclino-me diante da manjedoura de Jesus, suplicando

que derrame suas bençãos esperançosas de Paz, nas crianças do mundo.

Finalmente, desejamos que a Paz do Menino Jesus permaneça sempre entre nós;


QUE NA CAPPAZ HAJA SEMPRE MUITA LUZ E FELICIDADE EM PAZ.


Camboriú/SC 19/12/23


11

NATAL

Fátima Peixoto


Final de 2023

Vêm as festas,

Primeiro o Natal, momento de reunir as pessoas, familiares que amamos.

Momentos de reflexão, de traçar metas, reordenar os objetivos, listar os sonhos para o próximo ano.

Também, parar e pensar.

O que fiz?

Confesso que tentei viver com plenitude,

Sentir o gostinho da vida,

Porque o passado foi bom, mas passou,

O futuro ainda não conheço, não vale a pena se preocupar,

O presente, sim, merece nossa atenção para não cometermos os mesmos erros.

Devemos seguir em frente sempre acreditando nos sonhos

Cada ato seu é sua história que está sendo escrita

Sei que fiz uma longa caminhada, se cheguei ao desejado não sei,

Pretendo ir além.

Conviver com gente, dividindo amizades, alegrias...

O Natal é boas ações

O Natal é a culminância da caminhada da vida,

Época de se redimir e escolher um novo caminho

O Natal é todo percurso que se fez.

Natal é viver.

Natal é agradecer.

Natal é perdoar.

Natal é amar.

Natal temos todos os anos, será que é a mesma coisa?

Por que essa troca de afeto não acontece o ano inteiro?

Por que as guerras?

Por que o ódio?

Por que a indiferença?

Por que a injustiça?

Por que o egoísmo?

Somos seres finitos, fomos escolhidos para viver em plenitude.

Vamos torcer por um mundo melhor, não só no Natal.

Vamos torcer por um 2024 melhor.

Vamos colorir os dias, os meses, os anos.

Porque a vida tem sabor de quero mais, sabor de fazer mais, sabor de escrever mais, sabor de amar mais.


19/12/2023


12

NATAL DE PAZ E ESPERANÇA

Eda Bridi


No final de mais um ano de luz

Celebra-se um dos acontecimentos

Mais importantes da humanidade

O nascimento do Menino Jesus!


É tempo de renovar a esperança

Que está no sorriso da criança

Que está nos anseios do povo:

Paz e progresso a cada Ano Novo!


Na casa de madeira na Toca da Paz

Das cores do céu, branco e azul-rei

Girassóis se inclinam às mãos de Miriam

Que os coloriu tão naturais!

Girassóis se inclinam aos sonhos de Joyce

Que no Natal lá recebeu em oração

a imagem do Menino Jesus, o Eterno-Rei

e pediu para o mundo Paz e União!


São Francisco no recanto da Toca da Paz

Entre flores silvestres e águas cristalinas

Fala com os pássaros a língua do amor

Lembrando o amor do Menino Jesus!


Inspirados no Santo Ícone da Toca da Paz

“Cappazianos” têm sabedoria, fé e humildade

para “esparramar” amor, luz e paz

no Novo Ano, com coragem e cumplicidade!


Sobradinho/RS

Dezembro/2023


13

Á CIRANDA CAPPAZ

Carlos Reinaldo de Souza


Envio o poeminha abaixo.

Sei que está fora do prazo.

É apenas para leitura no live.


O NATAL EXISTE!


O Natal é uma Criança,

mas em alguns corações,

ainda falta esperança,

ainda existem senões.

O Menino, em segurança,

em seu bercinho repousa;

Ele é a eterna esperança,

do homem que luta e ousa.

Assim o homem caminha,

filho de Deus Infinito,

em fuga da dura rinha.


Buscando um mundo contrito,

longe da vida mesquinha,

em paz com Cristo Bendito!

14

NO NATAL...

Conceição Ferreira


A alegria perdura,

Cremos tivemos maus e felizes momentos

que juntos passamos.

Multiplicam-se

os bons pensamentos.

Ninguém pede, dá algo em troca.

Obter, ganhar, pouco importa.

E a felicidade corre solta nos quatro cantos,

Foge de nós o pranto...

A inflação não nos incomoda.

Importa aglomerarmo-nos à porta...

Guloseimas, champanhes e tudo mais que se gosta

Todos nu ‘a só alegria

Como se fora obter a carta de alforria,

Brindamos dEle seu nascimento,

em cada casa duma cidade...

Ele por nós nasceu, na cruz morreu,

Para a salvação da humanidade.

Fechemos os olhos ao orarmos por grupos, irmandades,

E por que não das etnias?

Ele não fez excepção por pessoas.

Por todos doou-se à cruz,

Nos perdoa, mostrou-nos grande sabedoria, inimagináveis milagres fez.

E o mataram com ferocidade assaz, ingente morbidez!!!


15

NATAL DE PAZ E ESPERANÇA

Odilon


Um peregrino estende passos

Ouve vozes de Belém

Muitos rezam, outros suplicam

Levando pedidos ao jovem Jesus

O peregrino atento aos caminhos

Acolhe em olhares tantos irmãos

Renasce a esperança brotada no trigo

E todo mendigo agora tem pão.


Canoas, 11/12/2023.


16

NATAL

José Maria de Jesus Raimundo Silva


Natal

Muito mais do que,

Festas...

Presentes...

Guloseimas...

Papai Noel....

Árvores de natal...

Luzes coloridas.

É preciso lembrar,

Do nascimento de Jesus.

Herança de São Francisco de Assis.

O menino Deus,

Veio ao mundo trazendo,

Amor...

Paz...

Felicidade e união.

Natal é o ano inteiro,

Repleto de emoções, esperanças e fé.


Varginha MG n. 1956


17

NATAL

Roseli Farias Roque


Um grande nascimento

Um marco na história

O vermelho para marcar a passagem e as luzes coloridas num ritmo de amor e paz.


Um ensinamento

Nas noites cristalinas

Sob o fulgor da noite e lua

Na mesa há fartura e na mente a memória


Revelam as estrelas

Iluminando todo planeta

A árvore triangular

Uma salutar meditação

A mensagem de Paz


Um dia de sonho e encanto

Noite e dia de emoção e magia

Natal que nos envolve

Noite singela com oferendas de Amor, Natal!


Dia que une o enlace

Noite de esperança bendita

Época que envolve o coração

Canções de amor e sinos a tilintar.

Mais um final de ano e vamos brindar.


20.11.2020


18

NOITE DE NATAL

Romário Filho


Noite de Luz!

Noite de Amor!

Noite de Confraternização!

Noite de União!

Noite de Unção!

Noite de Paz!

Noite do nascimento de Jesus!

Ser que por bons caminhos, nos conduz!


18/12/2023

21:14:37


19

ACRÓSTICO Á UM “NATAL DE PAZ E ESPERANÇA”

Roseleide Santana de Farias Silva


Natal com justiça, paz, solidariedade,

Alimentamos em nós esta esperança,

Talentos criativos e mãos que se dão

A família unida, ações festivas, a ceia

Lenitivo à dores e entrega do coração.

Deus, Senhor do Universo, nosso Pai,

Em nós deposite a Vossa misericórdia,

Paciência aos nossos erros humanos,

Acalente lares sem pão, amor, sonhos,

Zele e perdoe nossas míseras quedas.

E em gratidão nós possamos caminhar

Esperando Tuas Graças vindas do Céu.

Semeando a Paz nós possamos seguir

Peregrinos no mundo e ao eterno bem.

E se tropeçamos nos males dessa vida

Revivamos Vossas promessas de Luz,

Amando-Te no luar e á luz das estrelas

Nas luzes do Natal e manjedoura santa,

Ceia entre familiares e amigos, a prece,

Aqueçamos a esperança em dias bons!

FELIZ NATAL E BOAS FESTAS Á TODOS!


Cabedelo-PB- Brasil.


20

Natal

PAZ E ESPERANÇA

Antônio de Oliveira (Cardoso)


Natal de Paz e Esperança

Homem mulher e criança

De bondade e caridade

Aos irmãos da vizinhança


Sejamos todos natalícios

Com amor no pensamento

Compartilhando felicidade

No seio da humanidade


Natal do Menino Deus

Com alegria e sabedoria

Sem mágoa nem rancor

Mas com amor de Maria


Natal de Paz é consolar

Abraçar e escutar o coração

Corpo e alma de um irmão

No meio da multidão


Natal de Paz e Esperança

Bondade e Fraternidade

Replicando no ser humano

A vontade de Jesus


2023


21

OH, É NATAL

Lourdes Ramos


N o céu☆☆


O s anjinhos☆☆

I niciam um cântico☆☆


T odo feito de alegria☆☆


E Maria que é cheia de graça☆☆☆


F oi quem deu à luz ao Menino Deus☆☆☆


E a estrela vai anunciando aos reis magos☆☆☆


L uz do mundo que nasceria em um estábulo☆☆☆


I luminando a quem atravessar seu caminho☆☆☆


Z eloso, cumpriu o que aos profetas foi revelado☆☆☆


☆☆☆☆☆☆☆☆☆☆


É maravilhoso que o próprio Deus se faça homem☆☆☆☆


Naquela noite tão doce e tão maravilhosa☆☆☆☆


A vida e o perdão nos foram doados☆☆☆☆


Todos os que acreditam☆☆☆☆


Alcançarão luz e perdão ☆☆☆☆


Luz!☆☆☆☆


Luz, luz!☆☆☆☆


Luz de Jesus!☆☆☆☆


Luz e um Feliz Natal!☆☆☆☆


Luz e um Próspero Ano Novo!☆☆☆☆


Luz, Luz e Paz a todos os povos da Terra!

☆☆☆☆☆☆☆☆☆☆


22

NATAL DE 2023

Josias Alcantara


Que o natal seja de paz

Esperança e alegria,

Construindo a poesia

No verso que se compraz

Ao mostrar como se faz

A canção cheia de luz,

Para receber Jesus

No abraço de cada irmão

Quando degustar o pão

O amor em nós reluz!


23

NATAL DE LUZ E AMOR

Terezinha Teixeira Santos


Um ano se finda

Novo ano se inicia

Na força de um tempo novo

O Natal renova nossa alegria


O Natal ainda existe

É preciso acreditar

Que Deus se humaniza

Para conosco caminhar


Benditas as mãos que se estendem

A serviço de outra mão

A humanidade anseia

Pelas mãos em união


Natal é tempo de viver,

Fé, solidariedade e gratidão

Desejar a paz para o mundo inteiro

É tempo de renovação.


Refloresce a nossa esperança

De amor, fraternidade e perdão

Tempo de nascer e renascer

O Deus Menino em nosso coração.


Guanambi-BA, dezembro/2023


24

OUTROS NATAIS

Cláudia Almeida (Negra Luz)


Estava a procurar A Estrela,

A que anunciou a vida,

A que acolheu o amor.

A estrela que guiou.

Estava a mirar a Estrela Dalva,

A que refletiu a Luz Divina

A que ao Deus Menino anunciou.

Alguém, assim, nos contou.

É conto por muitos reproduzido.

Natal é celebração da VIDA

De um menino...

De algum menino...

De Jesus...

De tantos outros Cristos,

Que compreendidos,

Convidam ao exercício

De pensar:

Todas as vidas importam...

Cuidem das crianças.

Salve, Miguel!

A de Jesus!

Protejam as mulheres.

Salve, Mãe Bernadete!

A de Maria!

Conscientizem os homens.

Salve, os tantos jovens pretos mortos em extermínios!

A de José!

Cuidem dos em situação de rua.

Salve, os moribundos sob as marquises!

Salve os milhões de migrantes forçados!

Salve os refugiados das guerras pelo Mundo!

A da Sagrada Família!

A de qualquer ser...

Indivíduos

Cujas histórias,

Se contadas,

Nos levariam a outros Natais,

Desigualmente iguais

Ao que celebro

E desejo para ti:

Feliz!


Boas festas!


25

NATAL É

Lúcia Silva


Natal é

Paz, esperança e fé

Em Jesus

Que nasceu para salvar

A humanidade!

Natal, festa que reluz

Sentimentos singelos

No coração do mundo!

Exala bondade

Nas ações das pessoas

Amor sublime!


26

ENCERRAMENTO

NATAIS DE OUTRORA

Neneca Barbosa


Quanta lembrança a me invadir agora;

Da nossa gente sempre tão unida.

Agradecendo pelo dom da vida

Trazendo amor ao despertar da aurora.


Feliz eu esperava pela hora,

Que naquele momento era vivida;

O nascer de Jesus, sua acolhida,

Nos velhos tempos, dos natais de outrora.


O sino badalava na igrejinha,

esperando os fiéis pra missa, então

Quanta saudade existe na alma minha.


Com a mensagem do Jesus menino,

A fé reacende, em cada coração,

Resplandecendo a luz do Deus divino.


172ª CIRANDA CAPPAZ – PARTE LIVRE


01 ABERTURA

ABRAÇO A NATUREZA

Lúcia Silva


Natureza nossa

Ouço o seu lamento

Sua angústia

E descrença no humano

Que fere

Suas entranhas de mãe

Sou criança

Já reconheço seu valor

Por isso

Com ternura lhe abraço

Divina natureza!!

.

PARTICIPANTES


Lúcia Silva (01) ABERTURA

José Maria de Jesus Raimundo Silva (05)

Neneca Barbosa (03)

Sandra Lúcia (02)

Valmir Vilmar de Sousa (Vevê) (04)


02

A POESIA E A ORAÇÃO

Sandra Lúcia


A poesia transcende em oração

Flutuando em meus versos

As letras que permeiam em meu coração.

Transmitindo paz, amor e alegria

Saúda mais um novo dia

E se ergue no amanhecer.

Entoando o dom sublime da oração

Tornando a vida mais saudável

Louvando ao Deus do meu coração.

E me invade, atenuando a solidão

E permeia em meu contentamento

Até curar uma paixão.

Acalma o sofrimento,

Suaviza as noites vazias.

Ergue-me, fortalece, inspira e cresce

Com o valor da oração.

Mas o que seria a poesia

Senão o início, o meio e o ponto final

De uma oração?


03

INTOLERÂNCIA RACIAL

Neneca Barbosa


Vamos seguir feliz o caminho

procurando unir cada coração,

alimentando com amor o ninho...

Alma não tem cor não, irmão.


A cor da pele não tem importância,

mas vale o brilho do nosso olhar.

Vamos acabar com a intolerância,

para que a paz no mundo possa reinar.


Há somente uma raça no planeta

-a raça humana em evolução...

Olhemos a beleza da borboleta

livre, solta... Jamais percamos a razão.


É preciso lutar pela justiça social

respeitando de cada um, seu valor.

Lembrando que somos centelha divinal,

condição dada, por nosso Criador!


João Pessoa, PB


04

BENÇÃOS

Valmir Vilmar de Sousa (Vevê)


Hoje conversando com meu anjo, clamei à ele paz e proteção na minha concentração, na minha imaginação. Ele me respondeu, estás abençoado, no entanto teu caminho é longo. Deverás ser paciente contigo, com o outro. Pus-me a pensar: entendi o recado? Estou preparado para tal? Recordo os avisos, os informes sutis, não posso duvidar. Este é o momento de uma tomada de posição. Não há mais tempo a perder, o momento chegou. O caminho está a minha frente, sem atalhos, sem atrasos. O sol está nascendo, é hora de aquecer não deixar o frio me pegar. As luzes estão focadas no meu caminho me iluminando, me chamando, me cobrando, me testando. Mas para que testar? Ainda há dúvidas? Não, não posso compartilhar estas dúvidas, pois não há necessidade de tal atitude. Tu és o que és, disse o anjo. Aceitar com humildade é um gesto altaneiro, sem reservas. É uma atitude edificante, consciente. Refleti a mensagem e agradeci as bênçãos do meu anjo.


11/11/17

Membro da CAPPAZ


05

FAVORITA N. 1699

José Maria de Jesus Raimundo Silva


Favorita...

Tens charme e sedução.

Teus abraços são calorosos,

Teus são como brasas.

Teus carinhos marcam sempre,

Tua presença.

Favorita porque eu te amo.

Favorita porque tu és linda.

Tu transmites paz e felicidade.


Dezembro 2013

32 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page