Manaus.jpg
Antonio Cavalcante de Albuquerque.png

Antonio de Albuquerque

Sobre

Viúvo, mora em Manaus. Filósofo e professor de Filosofia. Tem publicado no Recanto das letras, algumas poesias e histórias. Pelo menos três livros podem ser encontrados nas Livrarias Saraiva e leitura, também na página Antonio de Albuquerque no Facebook e Recanto das Letras.

Afilhado de Aila Brito
Confrade Efetivo.

Plantando
Antonio de Albuquerque

Tantos sonhos arraigados
No céu da memória plantei
Quantas vezes parei para ver
No espelho sua bela imagem
De sonhos amor e ternura

Semeando flores, entre tantas,
Encontrei uma rosa, mulher formosa
Era você enfeitada de doce encanto
E harmonia, misteriosa surgindo
Tecendo alegria no meu coração

Análoga ao aroma dos florais
Tangidos pela brisa da manhã
Sob os acordes de um violão,
Pintando aquarelas de arco-íris
Perfumada quais flores da primavera

Desvelei sua beleza e mansidão
Quando a brisa invadiu seu corpo
Vestindo o manto sagrado do amor
Entre belas flores de bouganviles
Te abracei com fervor, qual colibri na flor

Tingindo de carmesim a alameda,
Rosa galante formosa, bendita mulher
Quero você para acarinhar, cuidar
E situar no meu altar no vergel
Do céu dos meus sonhos de ternura

Da minha efêmera existência,
Tal a planta, o amor se renova
Em plena expansão do universo
Todo dia nasce o majestoso Sol
Em nós, promissores sonhos de Amor.