Niteroi 2.jpg
lourdes.png

Maria de Lourdes Ramos de Holanda 
(Lourdes Ramos)

Sobre

É professora de Língua Portuguesa e Literatura Portuguesa e Brasileira.
Sendo poetisa, possui três livros com suas poesias publicadas em Coletâneas de Poemas.
Também compõe e tem uma canção gravada e outras esperando a vez.

Ganhou músicas e há poesias delas musicadas e declamadas. Estão nesta página.

Adora escrever, ama a natureza e ama amar...

Minha autobiografia

Em cinco de março, próximo ao meio dia
Quis Deus que nascesse mais uma Maria
Pisciana verdadeira, meiga e imaginativa
Do último signo do zodíaco eu sou nativa

Concebida com o belo dom para ensinar
Sei que é ensinando que eu mais aprendo
Gosto de céu, de cachoeiras e amo o mar
As dores do mundo vivencio e compreendo

Absorvo influências que estão ao meu redor
Intuitiva, pois percebo o que ficou por dizer
Empática, imaginativa, sei acordada sonhar
A poesia que há no dia-a-dia sei apreender

Amo soluções pacifistas, paz e tranquilidade
Quero alguém que me preencha as fantasias
Ilusionista, escapista, mística, transcendental
Transmito beleza e procuro a espiritualidade!

Assim sou eu!


Afilhada de Flávio Martinez
Confreira Efetiva

Primavera, primavera!
Lourdes Ramos

Ah! Como eu amo quando chega a primavera...
Ela me encanta completamente com seu visual
Invade-me e me ilumina, deixando-me no clima
E vou curtir um amor-perfeito em alto astral

É igual à chuva quando desliza morro abaixo
Ou o fogo começando a queimar, morro acima
Quando o meu bougainville me oferece suas cores
A primavera, então estará chegando à minha porta
Terá muitas rosas e flores do campo nas campinas

Amo ganhar flores de amores e de bem-me-queres
Já recebi flores da primavera que agora se aproxima
Ganhei buquês do meu bougainville de cor maravilha
Eu e ela oferecemos muitas flores de boas-vindas
E assim, vou florindo poemas e perfumando rima!